Vai-Vai contesta em recurso à Liga SP as notas que rebaixaram escola no carnaval de São Paulo

Comentários 0

A Vai-Vai protocolou na Liga das Escolas de Samba de São Paulo um ofício contestando as notas baixas que recebeu dos jurados nos quesitos comissão de frente e samba-enredo que acabou determinando o rebaixamento da escola do Bixiga do Grupo Especial para o Grupo de Acesso. Foi a primeira vez em sua história que a Vai-Vai caiu.

De acordo com as justificativas dos jurados divulgadas nesta sexta-feira (8) pela Liga, a Vai-Vai perdeu 0,7 ponto na comissão de frente (além da perda de mais 0,3 ponto na nota que foi descartada) por causa de divergências entre as fantasias usadas pelos integrantes no Sambódromo do Anhembi e o que estava desenhado na pasta enviada pela escola antes do desfile.

“Afirmamos que o material técnico para julgamento dos quesitos (Pasta Completa) foi entregue seguindo o regulamento Oficial, dentro do prazo estabelecido. A comissão técnica que recebeu tal material, não sinalizou problemas nos documentos apresentados, o que realmente não justifica a alegação das penalidades apresentadas. Fica claro o despreparo de alguns jurados, principalmente nos dos quesitos em referência. Eles demonstram dúvidas em suas justificativas”, escreveu a Vai-Vai em nota.

Jurados viram discrepância entre fantasias da comissão de frente da Vai-Vai e o que a escola enviou na pasta — Foto: Ardilhes Moreira/G1

Jurados viram discrepância entre fantasias da comissão de frente da Vai-Vai e o que a escola enviou na pasta — Foto: Ardilhes Moreira/G1

“Por fim, analisando os fatos, de acordo com o Manual de Julgamento, é correto afirmar que, nossa agremiação deveria ser penalizada em 0,2 (dois décimos) e não 1,0 (um ponto) como consta no quesito Comissão de Frente. Salientamos ainda que, no quesito Samba de Enredo, também fomos penalizados incorretamente, observando a penalização em 0,2 (dois décimos) uma vez que o quesito foi cumprido conforme exigência.”

A Liga SP ainda não se pronunciou sobre o recurso da Vai-Vai.

A Vai-Vai ficou com 268,8 pontos na classificação final e terminou em último lugar. Com mais 0,5 ponto, escaparia do rebaixamento. No quesito comissão de frente, a Vai-Vai perdeu 0,7 ponto (excluindo uma nota de descarte). Foram consideradas duas notas 9,8 e uma 9,7. A outra escola rebaixada foi a Acadêmicos do Tucuruvi.

Justificativa de um dos jurados que tirou 0,3 pontos da  comissão de frente da Vai-Vai — Foto: Reprodução/Liga SPJustificativa de um dos jurados que tirou 0,3 pontos da  comissão de frente da Vai-Vai — Foto: Reprodução/Liga SP

Justificativa de um dos jurados que tirou 0,3 pontos da comissão de frente da Vai-Vai — Foto: Reprodução/Liga SP

Fantasias

Um dos jurados que deu 9,8 alegou em sua justificativa: “Foram verificadas três falhas de acabamento no subitem figurino”: a Rainha Makeda apresentou arranjo na cabeça que não estava previsto na pasta; dois personagens da Tribo Israelense apresentavam chapéus que não estavam previstos na pasta.

O outro jurado que deu 9,8 escreveu: “A comissão de frente cometeu 3 falhas no item acabamento de avaliação do quesito subitem ‘fantasia’, havendo divergência entre o que se apresentou na pasta e na avenida”. Ele citou também problemas nas fantasias da Tribo Israelense, Rainha Mekeda e Afronauta.

Um dos jurados que deu 9,7 apontou divergências entre as fantasias do desfile na avenida e os esboços contidos na pasta, como o menino com meias brancas acima do joelho e um membro da Tribo Israelense com suspensórios, o que não estava previsto nos desenhos.

O outro jurado que deu 9,7 também apontou as meias da criança, que não estava previstas; o tamanho da saia do Afronauta; e membros da tribo com chapéu.

As notas do critério comissão de frente do carnaval 2019 de São Paulo — Foto: Arte/G1

As notas do critério comissão de frente do carnaval 2019 de São Paulo — Foto: Arte/G1

As notas do critério samba-enredo do carnaval 2019 de São Paulo — Foto: Arte/G1As notas do critério samba-enredo do carnaval 2019 de São Paulo — Foto: Arte/G1

As notas do critério samba-enredo do carnaval 2019 de São Paulo — Foto: Arte/G1

Os comentários estão desativados.