Depois de SBT e Estadão, Globo deve ser o próximo alvo da Vaza Jato

Comentários 0

Emissora da família Marinho, que apoiou ostensivamente as ilegalidades cometidas pela operação Lava Jato, deve ser alvo das próximas revelações do The Intercept. Quem diz é o advogado Eduardo Goldenberg, que vem antecipando matérias do The Intercept. “Se eu pudesse lhes adiantar tudo que eu sei…”, escreve Goldenberg, em tom de suspense.

O advogado carioca Eduardo Goldenberg, que vem antecipando as estratégias do site The Intercept para divulgar informações a respeito da Vaza Jato, afirmou nesta quinta-feira (29) pelo Twitter que a Rede Globo é a próxima a aparecer em relações comprometedoras com procuradores da Lava Jato.

“Hoje a #VazaJato mostra que a Operação Lava Jato não existe sem uma imprensa dócil, instrumento fundamental para seus discutíveis e condenáveis métodos. Hoje apareceu um diálogo com o @Estadao. Imaginem o que não há com a @RedeGlobo! Se eu pudesse lhes adiantar tudo que eu sei…”, escreve, em tom de suspense, o jurista.

Segundo Goldenberg, o site The Intercept – que chegou a oferecer uma parceria com a Globo no caso, mas foi ignorado – deve aprofundar as relações espúrias dos veículos da família Marinho com os investigadores da Lava Jato – e todo processo que resultou no golpe parlamentar de Dilma Rousseff e na prisão de Lula.

“E não vai ficar só nisso, não. Muitos veículos de imprensa, durante todos esses anos, fuçaram, como ratos, vazamentos fornecidos pelo @MPF_PGR. Agiram como mendigos, como andrajos, implorando uma migalha que os membros da Operação Lava Jato nunca lhes negou. Fiquem ligados!”.

Brasil247

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *