Políticos reagem ao fechamento das 13 agências do Banco do Brasil.

Como era esperado, a classe política acabou reagindo ao anúncio de que 13 agências do Bando do Brasil serão desativadas no Maranhão, sendo cinco fechadas e oito transformadas em postos de atendimento.

O governador Flávio Dino, através das redes sociais, já confirmou que o PROCON-MA, comandado pelo advogado Duarte Júnior, irá questionar o Banco do Brasil sobre a decisão de fechar agências, prejudicando milhares de consumidores maranhenses.

bb

Na Assembleia Legislativa o assunto também teve forte repercussão e muitos deputados estaduais se manifestaram sobre o assunto, demonstrando preocupação com a situação.

No Maranhão serão fechadas três agências em São Luís (Deodoro, Materno Infantil e Anjo da Guarda), uma em Açailândia Parque das Nações) e uma em Imperatriz (Praça da Cultura). Outras oito agências serão transformadas em postos de atendimento.

“Não tem sentido e não existe explicação para que o banco adote essa medida, a situação afeta a população”, pontuou o deputado Bira do Pindaré (PSB).

O deputado Max Barros (PRP) anunciou que uma audiência vai debater o fechamento das agências. “Temos que fazer o debate correto da situação. Não pode simplesmente o banco anunciar que vai fechar, prejudicando milhares de maranhenses”, comentou.

O deputado Fábio Braga (SD) mostrou preocupação com o desenvolvimento das regiões afetadas pelo fechamento das agências. Segundo ele, a presença dos bancos reforça a possibilidade de fomento à produção e à economia das cidades.

“O banco é necessário, principalmente para quem faz negócio na cidade. Não tem como desenvolver uma região, não tem como desenvolver um Estado, sem agências bancárias”, frisou.

O deputado Rafael Leitoa (PDT) destacou sua preocupação com uma região do Maranhão eu será prejudicada com essa decisão do Banco do Brasil.

“A nossa preocupação e o nosso repúdio, principalmente na região Leste do Estado onde duas agências serão transformadas em postos de atendimentos: a agência no município de Matões e agência no município de Parnarama. Agora os munícipes daqueles municípios terão uma distância a ser percorrida de quase 100 km para procurar uma agência do Banco do Brasil”, destacou.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo