A CASA CAIU! Compadre De Moro Ofereceu Reduzir Multa De 15 Milhões Se Fossem Pagos 5 Milhões ‘Por Fora’; CONFIRA!

Em depoimento à CPMI da JBS nesta quinta-feira 30, o ex-advogado da Odebrecht Rodrigo Tacla Duran revelou que o advogado Carlos Zucolotto, amigo do juiz Sergio Moro, lhe ofereceu reduzir sua multa de US$ 15 milhões para US$ 5 milhões se o pagamento fosse feito em uma conta bancária em Andorra.

“Percebi que as preocupações eram estritamente financeiras”, disse Tacla Duran, relatando que, numa conversa por meio de mensagens com o advogado que negociava seu acordo de delação premiada, ele recebeu a oferta de redução da multa. A conversa foi encaminhada à perícia da CPMI.

“Recebi uma minuta do Ministério Público (sobre o acordo de delação) que constava que o valor seria reduzido para um terço, mas que eu pagasse os US$ 5 milhões para uma conta de Andorra. A procuradoria sempre soube que eu não tinha dinheiro em Andorra. Ou seja, era juridicamente impossível descontar de uma conta minha em Andorra. Então era fato que o que seria pago seriam US$ 5 milhões, não US$ 15 milhões”, disse Tacla Duran.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo