Blog Eudes Félix – Fatos dos Municípios - Blog Eudes Félix – O Maranhão em suas mãos

Cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta, morre aos 43 anos

Morreu na quarta-feira (23), aos 43 anos, em Aracaju, a cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta.

Paulinha Abelha estava internada desde o dia 11 de fevereiro. Ela deu entrada com um quadro de insuficiência renal. O quadro piorou e ela entrou em coma profundo. Nesta quarta, às 19h26, o hospital decretou a morte da cantora.

A cantora Paulinha Abelha nasceu no dia 16 de agosto, no município sergipano de Simão Dias. Ainda adolescente, começou a carreira artística cantando em trios elétricos no interior do estado. Ela ainda montou a própria banda, Flor de Mel, mas o projeto não avançou. Fez parte também da banda Panela de Barro durante três anos. Mas a vida da cantora mudou depois de integrar a banda Calcinha Preta.

A primeira passagem pela banda durou mais de 10 anos, com gravação de dezenas de álbuns e DVDs que fizeram muito sucesso. O primeiro DVD, gravado em 2003, levou mais de 100 mil pessoas ao Parque de Exposições, em Salvador. Foi um sucesso atrás do outro. Os shows passaram a reunir multidões.

No ano de 2005, em Belém do Pará, mais de 80 mil pessoas acompanharam a gravação do segundo DVD. No álbum, a cantora interpretou uma música que virou sua marca, sensualidade, irreverência e o apoio à bandeira LGBTQIA+.

O terceiro DVD, gravado em Recife, no ano de 2007, foi outro grande marco. No repertório, a música que leva o nome da cantora e fez sucesso em todo país.

Em 2010, Paulinha deixou o grupo e investiu em outros projetos, como a banda GDÓ do Forró. Depois, fez dupla com o cantor Marlus, ex-Calcinha Preta.

Em 2014, ela retornou à banda, mas, dois anos depois, saiu da Calcinha Preta e, em 2016, integrou o projeto “Gigantes do Brasil”, com os cantores Silvânia Aquino e Daniel Diau.

Em 2020, a cantora viveu um dos momentos mais especiais da carreira: a gravação do DVD de 25 anos da banda.

“Que Deus prospere na vida de todo mundo. Muita luz, muita saúde. Confie: tudo já deu certo”, disse Paulinha.Desde que foi confirmada a morte da cantora Paulinha Abelha, o movimento que já era intenso à porta do hospital em que ela estava internada, aumentou muito. São fãs, amigos, parentes, gente que foi confirmar a informação. Todos muito tristes, chorando muito, perplexos com a perda da cantora de 43 anos.

Paulinha Abelha era uma cantora muito simpática, ela fazia muito sucesso. Ela agradava e impressionava o público quando estava no palco, porque ela tinha uma simpatia que impressionava, um carisma muito grande. Uma pessoa muito simples. Ela não era querida somente pelos fãs, mas também no meio artístico. Cantores como Wesley Safadão se manifestaram em suas redes sociais, nesta quarta, a tristeza pela perda da cantora. Gustavo Lima, cantor sertanejo, também se manifestou em sua rede social dizendo que Paulinha Abelha estaria eterna em nossos corações.

Paulinha Abelha vai deixar muitas saudades, era muito querida não só no Sergipe, mas no Brasil inteiro. Fez muito sucesso na banda Calcinha Preta e era muito querida pela simpatia e pelo carisma. À noite, fãs e amigos fizeram orações e cantaram muito em homenagem à Paulinha Abelha.

Continue acessando o blog EUDESFELIX.COM.BR e também pelo FACEBOOK

Categoria: Notícia Geral