Malandro todo!!! Falso comandante da Marinha é preso ao tentar comprar carros

Francisco Jonas de Souza, de 18 anos, foi preso em flagrante ontem em Ananindeua, depois que a polícia descobriu que ele portava um documento falso que o identificava como comandante da Marinha. Ele havia tentado comprar três veículos zero quilômetro em uma concessionária do município e afirmava que o valor dos carros seria pago pelo comando. Francisco não chegou a tomar posse dos veículos porque o depósito bancário que ele prometia fazer à loja não foi feito. O gerente da revendedora desconfiou da situação e acionou a polícia, que o prendeu em flagrante por falsificação de documento. O delegado Walter Resende registrou o crime na Seccional da Marambaia. O acusado estava fardado ao ser preso.

Na seccional, Francisco contou que sonhava em fazer parte da Marinha – ele se apresentava como ‘Comandante Souza’ aos funcionários da concessionária. Disse ainda que um conhecido, identificado apenas como ‘Helder’, conseguiu para ele o documento falso e ainda o uniforme completo do comando, que ele trajava quando foi à concessionária para ‘escolher’ os carros que compraria.

No pedido feito por ele ao gerente da loja, constam um Chevrolet Captiva (R$ 107 mil), um Vectra Elite (R$ 69 mil) e uma S10 Executive (R$ 70 mil). ‘Ele dizia que ia depositar o dinheiro em conta e que a Marinha pagaria tudo. A loja, entretanto, só libera o veículo cinco dias após a confirmação do depósito por causa de emissão de notas fiscais e outros detalhes. Ele insistiu, começou a ir à loja todos os dias e cada dia, tinha uma desculpa diferente: depósito em doc, depósito que teria caído em uma conta errada, enfim, tudo para tentar retirar esses carros antes de qualquer confirmação de depósito.

O gerente desconfiou, acionou a Polícia, que checou se haveria algum ‘Comandante Souza’ no comando. Como a resposta foi negativa, uma equipe nossa foi até o local e prendeu Francisco em flagrante’, contou Walter Resende. Francisco de Souza, que trabalha, na verdade, como pescador, vai ficar preso na Seccional da Marambaia por uso de documento falso.

Deu no blog do Caio Hostilio 

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo