MARANHÃO – Bancos não aceitam negociar folha de pagamento e 13º salário pode atrasar

Foi um fracasso a tentativa do Governo do Estado do Maranhão em negociar, ao menos, por R$ 215 milhões o pagamento das folhas dos salários dos servidores durante um ano. O governo esperava arrecadar o dinheiro no ato da contratação do estabelecimento bancário para quitar a segunda parcela do 13º até o dia 20 de dezembro. Agora lascou!

Conforme publicou o Blog do Diego Emir “para a decepção dos comunistas, o pregão presencial realizado na terça-feira (7), fracassou, após nenhuma empresa ter feito nenhum lance”.

Diz ainda que “inicialmente apenas o Banco Bradesco manifestou interesse pela licitação, porém ao fazer uma avaliação jurídica dos riscos, a instituição preferiu não comparecer ao pregão”. Então, danou-se o 13º.

Muitos funcionários públicos estavam até comemorando a aquisição do contrato pelo Bradesco por contas de empréstimos consignados que tomaram com o Banco do Brasil. O servidor, neste caso, pagaria ou não a dívida sem desconto em folha. Bem aí que reside o perigo.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo