Na lista que receberia dinheiro para votar contra o impeachment de Dilma, estava um do Maranhão

Em delação, o empresário Joesley Batista informou que chegou até a ele uma lista contendo 30 nomes de deputados federais que iriam votar contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff e que cada um deveria receber da JBS R$ 5 milhões. Na relação havia o nome de um da bancada do Maranhão, segundo informações ao blog.

Batista disse que faltando poucos dias para a votação do impedimento da presidente da República, foi procurado pelo deputado  deputado João Carlos Bacelar (PR-BA) que lhe pediu R$ 5 milhões por cada um dos 30 deputados federais.

O dono da JBS disse que olhou a lista e achou a quantia elevada e pediu para baixar o valor por R$ 3 milhões, bem como pediu para reduzir o número de parlamentares. O negócio não foi concretizado.

Segundo ele, não havia nome de nenhuma mulher na relação.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo