Blog Eudes Félix – Fatos dos Municípios - Blog Eudes Félix – O Maranhão em suas mãos

Pimenta desafia Bretas a processá-lo: “vamos desmascará-lo”

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) desafiou, nesta terça-feira (15), Marcelo Bretas a processá-lo, após o juiz da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro ter ameaçado processar o parlamentar, após o petista dizer, nessa segunda-feira (14), que vai “requerer acesso” a delações premiadas com o objetivo de “produzir provas” de irregularidades do magistrado. O congressista fez o comentário ao retuitar a notícia de que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes decidiu compartilhar com o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o conteúdo de delações acerca de Bretas. 

“Será mesmo que o Marcelo Bretas acha que vai nos intimidar? Não se acovarde, entre mesmo, quero que o senhor me processe. Já vou adiantar, inclusive, que o ex-deputado Wadih Damous é o meu advogado. Nós vamos requerer exceção da verdade, eu quero ter acesso às delações”, disse Pimenta na tribuna na Câmara. “Nós vamos desmascará-lo e mostrar para o Brasil que o senhor é uma grande farsa, que deveria estar em Bangu junto com o Bolsonaro e essa turma de bandidos”, disse.

O parlamentar destacou que pretende “ter acesso ao inquérito para produzir prova contra o senhor, porque eu espero que o senhor tenha o mesmo destino do Deltan Dallagnol e do Sergio Moro”. “O senhor é uma farsa e será desmascarado, acabará na cadeia, que é o lugar de todos vocês”, complementou.

Segundo reportagem de Veja, publicada nesse domingo (13), “no acervo em poder de Gilmar estão relatos de episódios presenciados por José Antonio Fichtner, delator da Lava-Jato que acusa Bretas e os procuradores da força-tarefa do Rio de ‘tortura psicológica’ para que acusados como ele se tornassem colaboradores da Justiça e entregassem uns aos outros”.

Na tribuna, Pimenta afirmou que será protocolado “um pedido de acesso a todas as investigações que existem a seu respeito para termos condições de, por meio da exceção da verdade, produzir provas”. “O senhor acha que as pessoas têm medo da toga, do seu jeito autoritário, que anda armado, mas estou lhe dizendo em alto e bom som: não se acovarde, Dr. Marcelo Bretas”.
Brasil247
Continue acessando o blog EUDESFELIX.COM.BR e também pelo FACEBOOK
Categoria: Notícia Geral