SÃO LUÍS/MA – Revolta nas Upas: 13º salário foi pago a menos e não tem previsão

Os funcionários lotados nas Upas de São Luís estão revoltados por causa do não recebimentos total do 13º salário. Eles receberam uma parte em julho e outra agora em dezembro, mas bem inferior ao salário que ganham todo mês.

São enfermeiros, motoristas, maqueiros e recepcionistas que chegaram hoje, dia 28, sem receber o complemento que faz falta para pagamentos de despesas ou para ajudar na festa da virada de ano.

Um funcionário que tem o salário de R$ 2.185,00 recebeu em Julho R$ 500,00. E agora caiu mais R$ 669,00, ficando portanto com mais de R$ 1 mil pra receber. Teve outros que ganharam até agora apenas R$ 80,00.

A Emersh é quem repassa os recursos para o instituto Biosaúde, e este faz o pagamentos dos funcionários. Caso o restante não saia até amanhã, aí só no próximo ano. A Justiça do Trabalho precisa agir em favor dos trabalhadores da saúde.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo