Ministro Teori Zavascki, do Supremo, morre em desastre aéreo no Rio

O ministro estava na lista de passageiros de avião que caiu em Paraty

O ministro Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato, morreu na tarde desta quinta (19) em acidente aéreo. Zavascki estava entre os passageiros do bimotor que caiu em Paraty, região sul do Estado do Rio de Janeiro. O seu filho, Francisco, confirmou a informação através de redes sociais. Segundo o Corpo de Bombeiros do Rio, ao menos três pessoas morreram na queda.

Francisco lamentou a morte do pai através do Facebook. (Foto: Reprodução)

Zavascki tinha 68 anos e nasceu em Santa Catarina, na cidade de Faxinal dos Guedes. Ele, que era viúvo, deixa três filhos.

(Foto: Reprodução)

 Formação e trajetória

Teori Zavascki era membro do Supremo Tribunal Federal (STF) desde 2012. Nomeado pela então presidente Dilma Rousseff à corte, o ministro ocupou o lugar de Cezar Peluso que se aposentou aos 70 anos, idade limite para o cargo.

Ao lado do juiz Sérgio Moro e do procurador Deltran Dallagnol, Zavascki ganhou notoriedade como relator dos processos da Operação Lava Jato. Ontem ele havia interrompido o recesso para determinar as primeiras diligências nas petições que tratam da homologação dos acordos de delação de executivos da Odebrecht na Operação.

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Zavascki também tem títulos de mestre e doutor em direito processual civil pela mesma instituição.

O ministro havia ingressado na carreira acadêmica em 1980 como professor concursado na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Além disso, lecionou na Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, até assumir a cátedra na Faculdade de Direito da UnB, em 2005.

Em 1971, ele começou a trabalhar com advocacia. Teve passagem no Banco Central do Brasil, como coordenador dos Serviços Jurdícios e no Banco Meridional do Brasil S.A., como superintendente jurídico.

Fatos dos Municípios

Voltar ao topo